A volta do palácio Monroe

Vou jogar na Mega Sena da virada. Se eu ganhar, prometo que reconstruirei o Palácio Monroe e o doarei a minha cidade: Niterói. Lá funcionará a sede da minha fundação, que construirá bibliotecas em todo o país. Pode causar estranhamento eu dizer isso, pois o Palácio ficou marcado como uma construção eminentemente carioca. Mas eu […]

Russos jogando os pintos no lixo

Devido a uma burocracia complicada que evolve taxas e documentos, algumas granjas russas precisaram pedir empréstimo, mas os bancos recusaram. Assim, os empregados foram obrigados a se livrar de nada menos que 300.000 pintinhos que tinham acabado de nascer. A granja, na região de Kursk, tomou a decisão porque sem dinheiro, não havia nada para […]