Sobre Philipe Kling David

Designer, blogueiro, escritor e escultor. Seu passatempo preferido é procurar coisas interessantes e curiosas para colocar neste espaço aqui. Tem uma grande atração por assuntos que envolvam mistérios, desconhecido e tecnologia. Gosta de conversar sobre qualquer coisa e sempre tem um caso bizarro e engraçado para contar.
Saiba mais...

  • Felipe Quevedo

    Pô… Muito fofa a Mallu. Esse jeitinho de menininha meiga em corpo de mulher… Fora o talento pra música, né? Muito show. Deve ter sido por isso que o Marcelo Camelo se encantou com ela.

  • http://bobeiraebobagem.blogspot.com Monkey

    A Mallu é feia demais!!!
    O negócio é que o Marcelo deve ter feito algum negocio de marketing com a Mallu…
    Ambos aparecem mais na midia. Ambos ganham….
    O Marcelo parece o Chiubakka!!!! :B

  • Gustavo C

    A Maísa é só uma criança tendo sua imagem explorada, coisa que não é nenhuma novidade na indústria da tv/cinema. Mas tenho dó de fazerem a menina passar provavelmente a melhor fase de sua vida dentro de um estúdio; e se lerdear está até mesmo sustentando regalias dos pais, o que não é incomum com “crianças prodígio”, vide casos como Michael Jackoson (na época do Jackson 5 os irmãos eram explorados pelo fdp do pai), Macaulay Culkin (também explorado pelo pai) e tantos outros.
    Já quanto a Mallu é difícil falar, pois ela não esta sendo explorada por ninguém, mas sim explorando bobos que houvem as porcarias que ela fala e canta. Mas se está namorando o barbudo hermano, que sonha em ser Chico Buarque, tá tudo certo. Essa é a elite cultural da música brasileira dos anos 2000. Antes houviamos Chico Buarque, Elis Regina e tantos outros “monstros” da música, agora houvimos Camelo e Mallu, porque o resto da música brasileira se resume em funk da mulher melancia, da menina parente da Gretchen lá que agora é atriz pornô… que bela evolução fizemos…

  • FreaK

    [quote comment="61314"]A Maísa é só uma criança tendo sua imagem explorada, coisa que não é nenhuma novidade na indústria da tv/cinema. Mas tenho dó de fazerem a menina passar provavelmente a melhor fase de sua vida dentro de um estúdio; e se lerdear está até mesmo sustentando regalias dos pais, o que não é incomum com “crianças prodígio”, vide casos como Michael Jackoson (na época do Jackson 5 os irmãos eram explorados pelo fdp do pai), Macaulay Culkin (também explorado pelo pai) e tantos outros.
    Já quanto a Mallu é difícil falar, pois ela não esta sendo explorada por ninguém, mas sim explorando bobos que houvem as porcarias que ela fala e canta. Mas se está namorando o barbudo hermano, que sonha em ser Chico Buarque, tá tudo certo. Essa é a elite cultural da música brasileira dos anos 2000. Antes houviamos Chico Buarque, Elis Regina e tantos outros “monstros” da música, agora houvimos Camelo e Mallu, porque o resto da música brasileira se resume em funk da mulher melancia, da menina parente da Gretchen lá que agora é atriz pornô… que bela evolução fizemos…[/quote]
    ouviamos é sem h ;]

  • Vivian Martins

    Concordo com o que falou sobre a Mallu e a Maísa.Eu vejo gente tendo verdadeiro ódio da Mallu só por ela aparentar ser lerdinha nas entrevistas que faz.Ou se escandalizando com esse namoro dela com o Marcelo Camelo.Se eles querem,qual é o problema?
    Eu gosto bastante do trabalho do Camelo(e realmente não me importo se ele quer ser o Chico Buarque,ou qualquer outra pessoa,já que o que me importa mais é qualidade musical,e não semelhança com outros artistas),mas acho as letras da Mallu muito idiotas – o que quase confirma a idéia que você citou,de ela ter a idade mental da Maísa – mas isso tanto pode ser apenas marketing de um produtor que percebeu que dar um ar de inocente as pessoas dava dinheiro,e instruiu a Mallu a se apresentar assim,como talvez seja só timidez(nas entrevistas) que faz com que ela fale besteira e fique com aquele jeito de criancinha.

  • http://oots.com.br Nibelung

    Só um detalhe básico, o Sílvio não “arrumou” a Maísa. Ela foi “descoberta” no Raul Gil, e estava sendo devidamente explorada em paz por lá. Aí o Silvio simplesmente ofereceu um salário maior.

  • Zé paçoca

    em 2 anos ninguem mais lembra…
    nem de uma nem da outra!

  • http://www.catarelismo.blogspot.com/ Jefferson Guerra

    A vida é isso ai…

    Fico imaginando a maisa vendo seus videos quando for mais velha hiahoiahoihua

  • Anônimo

    A unica coisa (semi) boa da Mallu é que ela canta Tom Waits. Mal mas canta

  • Edu Rodrigues

    O Silvio Santos não ofereceu apenas um salário maior pra Maísa se transferir para o SBT não, ele “comprou o passe” dela do Raul Gil, ou seja, ambos lucraram muito com esse negócio, fora que o Raul Gil estava reprisando as aparições da Maísa no programa dele.
    Ele vendeu o passe, mas continua ganhando com ela.
    Quanto à Mallu Magalhães, na boa, a idade mental dela deve ser inferior à da Maísa (que tem 6 anos de idade). Cada musiquinha besta que só vendo. Mas fazer o que, se a nossa música agora é só um bando de Cansei de Ser Sexy, mulheres fruta (tem hífen?), Marcelo Camello (ele é péssimo, só os fãs alienados do Los Hermanos gostam dele), a própria Mallu e os bêbados do Cachorro Grande?
    Onde esse mundo vai parar?

  • Ed

    [quote comment="61350"]O Silvio Santos não ofereceu apenas um salário maior pra Maísa se transferir para o SBT não, ele “comprou o passe” dela do Raul Gil, ou seja, ambos lucraram muito com esse negócio, fora que o Raul Gil estava reprisando as aparições da Maísa no programa dele.
    Ele vendeu o passe, mas continua ganhando com ela.
    Quanto à Mallu Magalhães, na boa, a idade mental dela deve ser inferior à da Maísa (que tem 6 anos de idade). Cada musiquinha besta que só vendo. Mas fazer o que, se a nossa música agora é só um bando de Cansei de Ser Sexy, mulheres fruta (tem hífen?), Marcelo Camello (ele é péssimo, só os fãs alienados do Los Hermanos gostam dele), a própria Mallu e os bêbados do Cachorro Grande?
    Onde esse mundo vai parar?[/quote]

    Esta ai algo que não gostaria de saber…
    Apesar de estarmos falando sobre a Maísa, não é de hoje que a televisão usa crianças para ganhar dinheiro. Apenas, atualmente, a Maísa é a nova mina de ouro, outrem eram outras crianças, como Simony, Sandy e Junior e etc. Ou seja, cada tempo possui a sua vaca leiteira de audiência.
    Sobre a música, realmente cada dia fica pior, pior é o povo que tolera e escuta estas coisas infames. Pode notar, este povinho, cada dia esta numa maré nova de música ditadas pelo momento.

  • Ed

    Malz por citar duas vezes o texto do Edu.
    Mouse com problemas. -.-

  • http://www.mundogump.com.br Philipe

    [quote comment="61368"]

    Esta ai algo que não gostaria de saber…
    Apesar de estarmos falando sobre a Maísa, não é de hoje que a televisão usa crianças para ganhar dinheiro. Apenas, atualmente, a Maísa é a nova mina de ouro, outrem eram outras crianças, como Simony, Sandy e Junior e etc. Ou seja, cada tempo possui a sua vaca leiteira de audiência.
    Sobre a música, realmente cada dia fica pior, pior é o povo que tolera e escuta estas coisas infames. Pode notar, este povinho, cada dia esta numa maré nova de música ditadas pelo momento.[/quote]

    POis é, o engraçado disso tudo é que há uma linha muito tênue que separa onde está a questão moral do trabalho infantil como instrumento de formação artística do talento mirim e onde está a exploração do trabalho infantil.
    Muitas vezes vejo a Tv escurraçar pais que usam as crianças para obter sustento de modo totalmente errado, como em carvoarias, mas logo depois colocam crianças gravando novelas até de madrugada, em apresenta”oes de programas infantis, trabalhando jornadas de adultos. Será isso justiça?
    Quer dizer que trabalho infantil mal remunerado nào pode, mas se encher o bacuri de dinheiro pode?
    São questões a se pensar.

  • Misheli

    Ah, eu tambem concordo, so por que pagam bem a criança para trabalhar, ela vai e perde a infância toda e depois cresce,perde a graça, e fica de lado esquecida e cai em depressão..essa menininha começou bem novinha no programa do Raul Gil, deveria ter uns 3 anos…Deve ser muito complicado uma criança lidar com a fama, as vezes nem um adulto consegue lidar com isso.

  • Mariskha

    [quote comment="61350"]O Silvio Santos não ofereceu apenas um salário maior pra Maísa se transferir para o SBT não, ele “comprou o passe” dela do Raul Gil, ou seja, ambos lucraram muito com esse negócio, fora que o Raul Gil estava reprisando as aparições da Maísa no programa dele.
    Ele vendeu o passe, mas continua ganhando com ela.
    Quanto à Mallu Magalhães, na boa, a idade mental dela deve ser inferior à da Maísa (que tem 6 anos de idade). Cada musiquinha besta que só vendo. Mas fazer o que, se a nossa música agora é só um bando de Cansei de Ser Sexy, mulheres fruta (tem hífen?), Marcelo Camello (ele é péssimo, só os fãs alienados do Los Hermanos gostam dele), a própria Mallu e os bêbados do Cachorro Grande?
    Onde esse mundo vai parar?[/quote]

    Acho muito ignorante as pessoas que chegam a julgam todo mundo… Eu gosto de Los Hermanos e do Marcelo Camelo sim, não acho ele pessimo não, se ele quer namorar uma garota de 16 anos, o problema eh dele.Mulheres fruta, eu não curto funk, tem gente que gosta, elas estao aproveitando o momento delas, porque sabem q mais cedo ou mais tarde vao ficar esquecidas; Acho que essas pessoas tiveram um momento de sorte por estar na midia e estão aproveitando, fazendo um pé de meia, quem , senão tivesse oportunidade nao iria aproveitar?

  • Anônimo

    [quote comment="61382"]
    POis é, o engraçado disso tudo é que há uma linha muito tênue que separa onde está a questão moral do trabalho infantil como instrumento de formação artística do talento mirim e onde está a exploração do trabalho infantil.
    Muitas vezes vejo a Tv escurraçar pais que usam as crianças para obter sustento de modo totalmente errado, como em carvoarias, mas logo depois colocam crianças gravando novelas até de madrugada, em apresenta”oes de programas infantis, trabalhando jornadas de adultos. Será isso justiça?
    Quer dizer que trabalho infantil mal remunerado nào pode, mas se encher o bacuri de dinheiro pode?
    São questões a se pensar.[/quote]

    Com certeza isso é de se pensar, essa menina Maísa, eu sempre achei um saco, o Silvio primeiro a pôs no horário da manhã, aos sábados, apresentando desenho animado. Quando ela ainda tinha 5 anos de idade, cara que programa irritante, e o panaca aqui, querendo ver os desenhos em animação 3d que passavam no programa.
    Antes disso aos 4 ela virou mais uma das estrelinhas mirins do Raul Gil, com o grande detalhe e diferencial dela ser extremamente verborrágica, não a vejo com inteligência acima da média nem nada, ela é expansiva e verborrágica e ponto.

    O Silvio trabalhou tão bem o visual da criança que os cachinhos são propositais, para lembrar a Shirley Temple:
    [quote][/i]Fonte Wikipedia:
    “No Brasil o visual de Shirley Temple foi usado como modelo para o da apresentadora mirim Maísa Silva do SBT. A Revista Veja disse em uma reportagem que Silvio Santos teria notado a semelhança do rosto de Maísa com o de Shirley Temple aos 5 anos de idade, e tido a ideia de usar o visual de Shirley em Maísa. O próprio Silvio teria selecionado fotos de Shirley Temple que, penduradas no camarim, inspiram os figurinistas e cabeleireiros responsáveis por deixar Maísa parecida com Shirley. Essa informação acabou sendo confirmada pela própria Maísa, no Programa Silvio Santos exibido no dia 12/10/08, quando Silvio Santos perguntou a ela por que sempre usava vestidos e o mesmo penteado, Maísa o repondeu no ar : “É você que acha que eu sou parecida com a Shirley Temple.””[/i][/quote]

    Tanto a Maísa quanto à Mallu Magalhães, são produtos criados, nada mais que isso. Se você pegar a banda Los Hermanos que está alavancando a Mallu, você vai ver o quanto não originais eles são, falando de amor juvenil, frustações e depressões típicas dos adolescente, com músicas voltadas para os “jovens cabeça”, a banda inteira usa barba grande e roupas de marca “alternativa”.
    [b][i]São os bichos grilos da nova geração, quem ainda não reparou nisso? [/i][/b]
    Sim, tanto a Mallu quanto os Hermanos, são voltados para o público mais feminino, e também para a galera cabeça juvenil, são bons moços, com idéias românticas, e bla, bla, bla, fazem coro com um bando de adolescente incompreendido, antes deles tivemos Roberto Carlos e cia, mas o principal dessa moda antigamente era o Ronnie Von, que era chamado de Príncipe!

    Já a Maísa, virou mídia porque a mídia quis, não conheço nenhuma pessoa com algum QI, que consiga perder seu tempo vendo uma criança tagarelar, e ache isso interessante o suficiente para te prender 5 segundos no canal do Homem do Baú. Isso é o que eu chamo de [i]”Síndrome do Cuti Cuti”[/i], as pessoas olham para aquela criança fofinha e dizem, [i]que cuti cuti…[/i]

    E ela só não está dando entrevistas mil por aí, porque a família da menina fez questão de colocar isso no contrato assinado com a emissora. Eles não querem que a filha fique o dia inteiro correndo por estúdios e redações. Dar entrevista [b]NÃO RENDE CACHÊ![/b] Porém o Silvio liberá-la para aparecer em algum outro canal, isso sim gera cachê para o [i]Patrão[/i]!

    Enquanto ela for uma criança fofinha com cara de Shirley Temple, vai receber o minguado salário que o Silvio paga às suas estrelas. Quem ganha bem no SBT é Ratinho (ele ainda é empregado de lá), Hebe e Gugu, principalmente porque eles tem anunciantes próprios. A Praça é Nossa, todos os comediantes são contratados pela firma do Carlos Alberto com seus dois filhos, firma esta que se responsabiliza pelos pagamentos, direção e produção do programa, e também, claro, agenciamento dos atores e seus personagens em shows e apresentações.

    Coisa que o Raul e seu filho Raulzinho Gil, fazem com maestria, o Raul paga um cachezinho minguado, para a galera aparecer em seu show, fora uma ou outra premiaçãozinha e seu filho fica com o passe do pessoal, agenciando os shows, gravação de discos e etc, não é a toa que quando vão renovar o contrato, a maioria pula fora.

    Já tem algum tempo que eu cheguei a conclusão que não existe fenômeno de mídia ou de sucesso. Talvez o último fenômeno tenha sido o Pânico, aonde o Emílio fica constantemente, pegando coisas que deram sucesso no exterior e enfiando em seu programa. De resto, é programa feito para agradar o “gado”, mídia paga abarrota as bancas, internet e etc… para dar uma sensação de que aquele programa é a última bolacha do pacote, a empada premiada com a azeitona mágica, e não é nada disso, mas as pessoas correm e assistem, votam, participam!

    Nesse país não importa se uma criança está vivendo o contagiante momento da Fama, e que depois vai virar uma nova Simony, a décadas tentando voltar a ser famosa, o Silvio Santos mesmo, é rei de criar crianças “estrelas” e depois jogá-las no ostracismo. Hoje em dia, muitas mídias já falam disso, enquanto à própria criança está no auge, mas diferente das crianças das carvoarias, [i]ela é tão cuti cuti[/i], não está suja, tá ganhando bem, que se dane se irá virar mais uma estrela mirim esquecida.

  • http://predador-design.blogspot.com Fred

    Esse aí de cima sou eu…

  • Garcia

    A Máisa eu já tinha visto e vi primeiro no CQC no top 5. Só depois que fui ver no SBT. Já essa Mallu fiquei conhecendo agora no MG. Mesmo sendo sem sal, com vício de falar “tipo” a cada 3 palavras e com musiquinhas bobas seu maior defeito mesmo é ser namorada do Bin Laden dos Los Ex-Hermanos… mas esse defeito é rápido de ser corrigido. E que pais são esses que deixam um marmanjo véio daqueles namorar uma menininha dessas? Olha o que aconteceu com a Eloá…

  • Vivian Martins

    [quote comment="61350"]
    Acho muito ignorante as pessoas que chegam a julgam todo mundo… Eu gosto de Los Hermanos e do Marcelo Camelo sim, não acho ele pessimo não, se ele quer namorar uma garota de 16 anos, o problema eh dele.Mulheres fruta, eu não curto funk, tem gente que gosta, elas estao aproveitando o momento delas, porque sabem q mais cedo ou mais tarde vao ficar esquecidas; Acho que essas pessoas tiveram um momento de sorte por estar na midia e estão aproveitando, fazendo um pé de meia, quem , senão tivesse oportunidade nao iria aproveitar?[/quote]

    Concordo plenamente.

    [quote comment="61382"]

    Tanto a Maísa quanto à Mallu Magalhães, são produtos criados, nada mais que isso. Se você pegar a banda Los Hermanos que está alavancando a Mallu, você vai ver o quanto não originais eles são, falando de amor juvenil, frustações e depressões típicas dos adolescente, com músicas voltadas para os “jovens cabeça”, a banda inteira usa barba grande e roupas de marca “alternativa”.
    [b][i]São os bichos grilos da nova geração, quem ainda não reparou nisso? [/i][/b]
    Sim, tanto a Mallu quanto os Hermanos, são voltados para o público mais feminino, e também para a galera cabeça juvenil, são bons moços, com idéias românticas, e bla, bla, bla, fazem coro com um bando de adolescente incompreendido, antes deles tivemos Roberto Carlos e cia, mas o principal dessa moda antigamente era o Ronnie Von, que era chamado de Príncipe!
    [/quote]

    Como assim o Los Hermanos tá alvancando a Mallu?O que eu vejo é um dos integrantes do Los Hermanos que fez uma parceria com a Mallu em uma música e agora está namorando com ela,nada mais que isso.Antes de acontecerem essas duas coisas a Mallu JÁ fazia sucesso.
    Depois,eu,apesar de ser adolescente, não vejo tantos adolescentes gostando de Los Hermanos não,vejo também adultos,já que,apesar de como você falou eles serem “não originais” boa parte de suas músicas precisam de um mínimo de capacidade de interpretação,coisa que,infelizmente está em falta na maioria dos jovens.

  • Felipe

    O que mais me deixa triste é o preconceito/hipocrisia/ignorância de alguns brasileiros que chamam de “pedófilo” o Marcelo Camelo. Pô, acho que pra julgar alguém, xingar uma pessoa e, no caso, caluniá-la, temos que saber o que estamos falando. Ninguém pode chegar e simplesmente rotular alguém, “pedófilo”, porque ele namora uma menor de idade.

    Pedofilia não é isso, minha gente. Não há lei no Brasil que proiba um maior de idade namorar um menor.

    Oque não pode ocorrer é relação sexual entre um maior e um menor de 14 anos (estupro presumido) e corrupção ou facilitação de corrupção do maior de 14 e menor de 18.

    Fora isso, o relacionamento entre adultos e adolescentes é plenamente permitido pela legislação e, acho até muito normal, já que antigamente isso era muito corriqueiro.

    Hoje em dia é que a mídia e a hipocrisia/pseudo moral da população, fizeram com que isso se tornasse “pecado”.

    Acho que cabe somente aos pais de cada adolescente, julgar as pessoas que eles namoram. Se estas pessoas querem só sexo/diversão/aproveitamento, serão eles quem devem orientar seus filhos no caminho certo.

    E vamos deixar claro também que existem muitas menininhas que andam explorando maiores de 18 anos, seja por motivos sexuais, diversão, ou financeiros.

  • http://www.mundogump.com.br Philipe

    [quote comment="61427"]O que mais me deixa triste é o preconceito/hipocrisia/ignorância de alguns brasileiros que chamam de “pedófilo” o Marcelo Camelo. Pô, acho que pra julgar alguém, xingar uma pessoa e, no caso, caluniá-la, temos que saber o que estamos falando. Ninguém pode chegar e simplesmente rotular alguém, “pedófilo”, porque ele namora uma menor de idade.

    Pedofilia não é isso, minha gente. Não há lei no Brasil que proiba um maior de idade namorar um menor.

    Oque não pode ocorrer é relação sexual entre um maior e um menor de 14 anos (estupro presumido) e corrupção ou facilitação de corrupção do maior de 14 e menor de 18.

    Fora isso, o relacionamento entre adultos e adolescentes é plenamente permitido pela legislação e, acho até muito normal, já que antigamente isso era muito corriqueiro.

    Hoje em dia é que a mídia e a hipocrisia/pseudo moral da população, fizeram com que isso se tornasse “pecado”.

    Acho que cabe somente aos pais de cada adolescente, julgar as pessoas que eles namoram. Se estas pessoas querem só sexo/diversão/aproveitamento, serão eles quem devem orientar seus filhos no caminho certo.

    E vamos deixar claro também que existem muitas menininhas que andam explorando maiores de 18 anos, seja por motivos sexuais, diversão, ou financeiros.[/quote]

    Falou e disse. Concordo totalmente. Não vejo nada demais no cara namorar a menina. Só me intriga o fato de que ela é bonitinha e poderia arrumar um cara mais boa pinta, mas como diz o ditado:”quem ama o feio, bonito lhe parece”.
    O que vale é o coração. Se eles se gostam, foda-se o mundo. :happy:

  • Davi Freitas

    Silvio Santos foi mais esperto do que arrumar uma estrela mirim. Ele contratou a do visionário Raul Gil, já que a maísa antes de ir para o SBT frequentava a algum tempo o programa do Raul Gil.

    Abraço

  • http://www.carademilho.blogspot.com el hombre maíz

    Só tinha ouvido falar da Malu, mas nunca tinha visto nem ouvido nada dela, a primeira vez foi agora nesse vídeo que vc botou. Achei bacana a música dela, a voz também.

    Sobre a comparação do sucesso das meninas como o circo dos horrores do século XIX, não acho tão justa.

    O ser humano tem curiosidade pelo que é diferente. Seja uma adolescente que fala como criança, seja um homem de cinco pernas. Porém, no caso do circo, era anti-ético, já que o sofrimento alheio estava sendo explorado. Um homem deformado era exposto a uma multidão como se aquilo fosse um espetáculo.

    No caso da Malu, não há sofrimento. Ela é uma menina que fala como alguém mais novo. Ela nem sequer age como uma criança, só fala. As pessoas se interessam porque é diferente, não estão acostumadas a ver gente assim, mas não há nenhuma exposição humilhante, pelo contrário, ela é mostrada como alguém até superior pelo conhecimento musical que tem apesar da pouca idade. Enfim, não há nenhum “horror”, apenas algo não convencional.

    Ainda assim, consideremos que há uma patologia ali, que Malu sofre algum transtorno (vamos dizer autismo, por exemplo). Mesmo assim isso não colocaria as pessoas que a acompanham como espectadores de um circo dos horrores, a não ser que coloquemos então todos admiradores de Tim Burton (asperger), Van Gogh (esquizofrênico), Elvis Presley (bipolar), Bukowski (alcoolatra) como meros espectadores de um circo dos horrores.

  • http://www.cuxaxo.com.br/ Séfora

    [quote comment="61325"]Só um detalhe básico, o Sílvio não “arrumou” a Maísa. Ela foi “descoberta” no Raul Gil, e estava sendo devidamente explorada em paz por lá. Aí o Silvio simplesmente ofereceu um salário maior.[/quote]
    Era isso que eu iria comentar !

  • http://www.mundogump.com.br Philipe

    [quote comment="61454"]Só tinha ouvido falar da Malu, mas nunca tinha visto nem ouvido nada dela, a primeira vez foi agora nesse vídeo que vc botou. Achei bacana a música dela, a voz também.

    Sobre a comparação do sucesso das meninas como o circo dos horrores do século XIX, não acho tão justa.

    O ser humano tem curiosidade pelo que é diferente. Seja uma adolescente que fala como criança, seja um homem de cinco pernas. Porém, no caso do circo, era anti-ético, já que o sofrimento alheio estava sendo explorado. Um homem deformado era exposto a uma multidão como se aquilo fosse um espetáculo.

    No caso da Malu, não há sofrimento. Ela é uma menina que fala como alguém mais novo. Ela nem sequer age como uma criança, só fala. As pessoas se interessam porque é diferente, não estão acostumadas a ver gente assim, mas não há nenhuma exposição humilhante, pelo contrário, ela é mostrada como alguém até superior pelo conhecimento musical que tem apesar da pouca idade. Enfim, não há nenhum “horror”, apenas algo não convencional.

    Ainda assim, consideremos que há uma patologia ali, que Malu sofre algum transtorno (vamos dizer autismo, por exemplo). Mesmo assim isso não colocaria as pessoas que a acompanham como espectadores de um circo dos horrores, a não ser que coloquemos então todos admiradores de Tim Burton (asperger), Van Gogh (esquizofrênico), Elvis Presley (bipolar), Bukowski (alcoolatra) como meros espectadores de um circo dos horrores.[/quote]

    Então, estudando sobre os circos de horrores de PT Barnum e tantos outros, eu descobri que pintam hoje a coisa bem pior do que ela era. Muitos destes circos (praticamente todos) viviam de expor pessoas com doenças estranhas e deformidades bizarras, mas ao contrario do que o senso comum prega, elas não eram expostas para escárnio público, mas eram bem tratadas tinham uma vida digna como celebridades. Alguns ficaram muito ricos.
    Podemos imaginar que uma pessoa com cara de elefante não tivesse muita chance de sucesso na vida fora de um destes empreendimentos. No fundo, os caras ganhavam alguma finalidade de vida além de um quarto escuro e um saco na cabeça.
    No fim das contas, o ser humano está em permanente busca do que é diferente. A vida é um grande circo de Horrores e foi quando eu saquei isso que resolvi fazer este blog.

  • Renato Mendes

    [quote comment="61382"][quote comment="61368"]

    Esta ai algo que não gostaria de saber…
    Apesar de estarmos falando sobre a Maísa, não é de hoje que a televisão usa crianças para ganhar dinheiro. Apenas, atualmente, a Maísa é a nova mina de ouro, outrem eram outras crianças, como Simony, Sandy e Junior e etc. Ou seja, cada tempo possui a sua vaca leiteira de audiência.
    Sobre a música, realmente cada dia fica pior, pior é o povo que tolera e escuta estas coisas infames. Pode notar, este povinho, cada dia esta numa maré nova de música ditadas pelo momento.[/quote]

    POis é, o engraçado disso tudo é que há uma linha muito tênue que separa onde está a questão moral do trabalho infantil como instrumento de formação artística do talento mirim e onde está a exploração do trabalho infantil.
    Muitas vezes vejo a Tv escurraçar pais que usam as crianças para obter sustento de modo totalmente errado, como em carvoarias, mas logo depois colocam crianças gravando novelas até de madrugada, em apresenta”oes de programas infantis, trabalhando jornadas de adultos. Será isso justiça?
    Quer dizer que trabalho infantil mal remunerado nào pode, mas se encher o bacuri de dinheiro pode?
    São questões a se pensar.[/quote]

    Concordo em gênero, numero e grau. Nunca antes na historia desse pais se viu tanta hipocrisia(Será que irão me cobrar direitos autorais dessa frase?).

  • http://predador-design.blogspot.com Fred

    Acho interessante uma adolescente vir contra tudo o que eu disse, assinando embaixo o que eu tinha dito…

    Vivemos na época do feito para consumo. Não existe equivalência entre a Malu e a Maísa e as criaturas de “Freak Shows”, até como disse bem o Philipe, eram pessoas tiradas da pobreza e que viviam alguma sorte de espetáculo.

    Se vocês assistirem com atenção a entrevista da tal de Malu, vão ver que ela se comporta como uma criança de 5 anos de idade, só ficou faltando, quando o Serginho Groissman perguntou a sua idade, ela levantar as mãos e um pé para mostrar nos dedinhos, como criancinha faz.

    Agora, ela namora um músico famoso, que tem sua própria legião de fãs. Com o grande detalhe que o tão sensível músico, poderia pegar muitas MULHERES, e acaba por preferir uma adolecente com idade mental de criança, bem, quem ia querer isso? A garota grava música e clip, consegue acesso a programa global e etc… e ainda por cima é retardada?

    A Mallu Magalhães é um produto, criada para virar menina ingênua, santinha, meiguinha, com ótima dicção em Inglês já para explorar o nicho de mercado que o cansei de ser sexy vem explorando.

    A diferença da criança da carvoaria, do muleque malabarista do sinal, do vendedor de balas nos bares da noite (e porque não dizer das madrugadas) para uma dessas instant celebrity kids, é o simples fato da imprensa bater palminha. Lançar esses jovens custa grana para os agentes, tem que arrumar capa de revista, pagar cachê para emissoras para colocá-los nos programas, e por aí vaí.

    O pior não é isso, são os copycats, mães que acham que suas infant terribles, são maysinhas em potencial, por sua “inteligência”, e por qualquer cachê, colocam as mesmas em programas de calouros, para serem exploradas ainda na tenra infância, as vezes enfrentando horas de viagem, na ida e volta das gravações. Adolescentes alienadas, que passam a falar feito crianças autistas, porque está na moda. Esse que é o pior desses “modelos” lançados pela mídia. É a péssima influência que produzem!