O incrível falsário chinês

A gente sabe que chinês quando quer falsificar é foda. Nego falsifica até o ovo! Até arroz! Até carne!

Com tudo isso, é de se esperar que o Chinês seja muito hábil em identificar falsificações, né? Imagina então como tem que ser competente o falsário chinês que resolve meter às caras e falsificar dinheiro! (até porque lá tem pena de morte!)

De acordo com um relatório recente da mídia estatal, 96,7% de todas as notas falsas que circulam na China originaram-se a partir de modelos desenhados à mão por Peng Daxiang, um pintor idoso que foi preso em 2013.

A casa caiu!
A casa caiu!

Antes de ser preso pela polícia, aos 73 anos de idade,  Daxiang, que era natural de Shantou, província de Guangdong, mostrou como,  sozinho, conseguiu produzir dezenas de placas de impressão de valor de milhões de yuan sem o uso de computadores ou outras tecnologias modernas. Em vez disso, ele usou ferramentas simples como lupas e câmeras de filme.

counterfeit-currency-550x401

Claro, o velhinho era foda pra caralho! Ele fez enormes lucros vendendo esses modelos para as quadrilhas de falsificação, cobrando em troca algo entre 50 mil yuans (US $ 8.000) e 120.000 yuan ($ 20.000) por cada placa.

Funcionários descobriram mais tarde que Daxiang, um artista famoso em sua cidade natal, também esteve envolvido na falsificação de diplomas de pós-graduação, certificados oficiais e até mesmo cupons de alimentos. O velho não perdia tempo!

Ele foi finalmente condenado à prisão perpétua em 2014, pela Corte Intermediária do Povo Shantou, por várias acusações, incluindo falsificação de dinheiro e falsificação de documentos oficiais. Todos os seus bens foram confiscados pelo Estado e ele foi privado de direitos políticos por toda vida.

counterfeit-currency3

A polícia encontrou provas conclusivas das atividades criminosas de Peng Daxiang em sua casa Shantou, incluindo máquinas de impressão, tintas de alta qualidade e filme plástico. Durante o interrogatório, o velho pintor admitiu a produzir modelos de falsificação para várias notas de yuan, além de diplomas universitários, de casamento e certidões de nascimento, tudo feito  à mão, porque ele “não entende bem da tecnologia de computadores”.

Especialistas do Laboratório Anti Contrafação de Moeda disseram aos jornais que, do ponto de vista técnico, as notas falsas de Peng Daxiang não eram muito boas, porque não incorporavam a maioria dos elementos de segurança do papel moeda genuíno, mas que para a pessoa comum, não havia praticamente nenhuma maneira de dizer que seu trabalho não era dinheiro de verdade.

counterfeit-currency2-550x274

Apesar de detenção e condenação de Peng, os funcionários dizem que suas placas de falsificação eram tão boas que elas ainda são amplamente utilizadas por organizações criminosas em toda a China. Um dos modelos de placa para fazer 00 yuan do artista ainda está á venda por mais de 100.000 yuan, no mercado negro.

A falsificação de dinheiro é um problema crescente na China. (porra se os caras falsificam até bolinho de carne com papelão, imagina dinheiro!)

South China Morning Post informou que o valor de face notas apreendidas aumentou de 329 milhões de yuans em 2012 para 532.000.000 yuan em 2014!

19a64377be36489ba18ed075b83df892

A polícia investiga pelo menos 1.000 casos de moeda falsa todo ano. É tanto caso que a polícia simplesmente não consegue dar conta.

De acordo com Liu Jintao, diretor do departamento anti-contrafação em Guangdong, o crime é incrivelmente difícil de detectar. “Uma fábrica de notas falsas é basicamente uma oficina de impressão de pequeno porte e eles podem facilmente obter as máquinas de  impressão, tinta e papel de uso comercial do mercado”, disse ele.

O policial ainda acrescentou que uma nota falsa de  100 yuan é vendida inicialmente por seis yuan, e se torna mais caro cada vez que é revendida.

“Os membros formam assim uma árvore de ganho enorme com uma lucratividade brutal, com os seus trabalhadores fazendo trabalho manual espalhando notas em taxas de 10.000 yuans por dia”, disse Jintao.

A última tendência dos falsificadores é forjar notas de menor valor, porque as pessoas não são susceptíveis de questionar nem verificar se eles são genuínos.

Isso me lembrou muito aquele filme (excelente)  “Os Falsários” em que o maior falsificador judeu é preso pelos nazistas e obrigado a fazer dinheiro para sustentar a maquina de expansão do Hitler. Recomendo! Tem no netflix. Destaque para a trilha sonora!

Related Post

3 comentários em “O incrível falsário chinês”

  1. Ahahahahha faltou citar o cachorro falsificado! Ahahaha … Esses chineses são mestres no “jeitinho” enquanto a gente aqui no Brasil não somos páreos para eles. Ahahah

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares