57 Comentários

  1. Daniela - BH

    A-do-rei!
    Muito bom!
    Fiquei até sem ar!!!
    Valeu a pena ler até o final!
    ufa!

    ah! Feliz páscoa!

    Responder
    1. Betopernambuco

      De todos os contos, esse e’ sim bem ti’pico de pescador. conhecendo Los Angeles como conheco de cara posso afirmar que e’ mentira

      Responder
      1. Philipe3d

        E eu posso dizer que você está redondamente enganado.
        Hahahaha. Sem falar que “Conhecendo Los Angeles como conheço…” É o típico início de frase de mentiroso.

        Responder
  2. Philipe

    Hehehe, valeu. Deu trabalho essa viagem. Escrever sobre ela também. Mó livro esse post.
    Pelo menos alguém leu.
    Obrigado.

    Responder
      1. Philipe3d

        Poxa, me sinto honrado em saber que vc está gostando tanto. Valeu mesmo. Mas eu não sou gênio não.

        Responder
  3. o que eu gosto afinal?

    Nossa, incrivel o.o!
    De tirar o fôlego!
    Muito bom o texto!

    *melhor parte, “Isso é coisa de baitola, não vou comprar isso não!” seu pai olhando para o palm top xD

    Responder
  4. Fernanda

    hahahah

    adorei! vc é muito divertido e sabe usar bem as palavras em seu favor! 🙂

    Responder
  5. Willer

    Meu amigo, sua vida é realmente uma grande aventura… Eu por exemplo, não terei histórias nem para contar para os netos! (pelo menos por enquanto XD). Se isso tudo tivesse acontecido comigo, eu ainda zoaria legal no avião… Ligaria o notebook, e ativaria o seguinte arquivo:

    http://www.gustavoguimaraes.com.br/arquivo/images/countdown.swf

    O que será que aconteceria? XD

    Abraços

    Responder
  6. Anonymous

    muito bom
    mas o melhor com certeza foi o “vo comprar isso nao. coisa de baitola”
    huhauhauhauahuahuhuahuahua

    Responder
  7. koveiro

    pow q história hein parece até aquele filme Loucas aventuras de uma família americana na Europa

    Responder
  8. O Pirata

    HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHAHAHAA!!!

    Mais uma vez eu ri sozinho igual um retardado aqui no meu trabalho!!!

    cômico!!!!

    Responder
  9. leon

    noossa mto engraçado dahsuhduahus
    tu escreve mto bem faz a historia fik mais engraçada ainda 🙂 ta de parabens ^^

    Responder
  10. Gor

    Philipe,

    Valeu a sua maneira engracada de contar aquela super louca aventura de deixar seu irmao na California.
    Nao sei como pude suportar tal dor.
    Mas a cada lance que vc tao bem descreveu foi ficando pior.
    Imagina explicar para a americana sem falar uma palavra em ingles que minha bolsa tinha sumido na revista e que nao podia embarcar com minha paragua espanhola …Se nao fosse vc voltar eu ia ficar sobrando …

    Responder
  11. Leonor

    Demais!! Demais!!!
    Tour do Dudu… parece título de livro!!

    Aliás… se meu pai não existisse, alguém tinha que inventar!!
    Pra falar a verdade, eu não imagino ele falando que o palm é coisa de boiola!! daria tudo pra ter presenciado essa historia.

    Vc escreve muito bem, Philipe!
    o Blog tb está maravilhoso =]

    Responder
  12. Philipe

    Valeu Mãe, valeu Leo.
    Mãe, vocâ tá com preguiça de colocar o nome completo na janelinha?

    Pessoal, esta é Leozinha, minha irmã.

    Responder
  13. R.P.J.

    cara..vc naum existe..já chorei de tanto rir, já mijei de tanto rir..´tenho até medo de ler os próximos posts..

    Responder
  14. Thaiane

    Simplesmente a melhor:
    “Havia na parede bem em cima da minha cama uma pintura de gosto super duvidoso, onde estava o Humphrey Bogart, o Charles Chaplin e um travesti, que só no dia seguinte entendi que era a Marilyn Monroe.”

    Hahahahahhahahahahahahahahaahh :B

    Responder
  15. Fuhrmann

    jhahahaha ta louco!

    historia demais essa ein!
    tu é azarado!hehe :shocked:

    Responder
  16. tiza

    kraaai…. qnt mais eu leio teu blog, mais dependenteee euu fico disso ake!!!!!! UHUU :lol2: :lol2: :lol2: :*( :*( :*( :*( :*( :*(

    Responder
  17. &liseu

    :ohhyeahh: parabens cara sua historia é só ó file raxei obico no bom sentido falowwwwww abraço rrsrsrsrsrrsrsr :B

    Responder

  18. Cara isto tudo foi muito comédia, vou ler de novo pelo menos umas três vezes para não perder nada… Seu pai aprendeu a dirigir aonde meu camarada?! Ele fez curso de piloto de fórmula 1?! Caramba isto tudo é muito Gump mesmo!!! :B Hhuauhahuauha…

    Responder
  19. mauricio

    amigo,achei teu blog por acaso e nao consigo parar de ler,tu tinha que botar tudo em um livro,parabens,tua vida e tua familia sao demais,quem sabe uma mini serie,hehe.

    Responder

  20. Muito boa esta, engraçada pra caramba, cara suas histórias dão de 10 nas piadas sem sal do zorra total, escreve um livro, te garanto que pelo menos 1 você vende, parabens tu tens um dom, essa historia me fez rir muito, seu site esta sendo um grande achado pra mim, um grande abraço e pense na historia do livro.

    Responder
  21. Piero

    li 3 textos seus(Philipe)e ja virei fa…naum saio dos textos de vc 😎

    Responder
  22. vilmar

    Caraca! Se numa hora dessas aparece cinco caras, que não falam minha lingua, com fuzis na minha cabeça, eu ia me c…. todo. Ai sim a droga do voo ia atrasar pra valer.

    Muito bom o post. Ri muito.

    Responder
  23. Dario Coelho Neto

    Nem sei mais como cheguei até essa história. Mas gostei tão verdadeiramente que, apesar da minha mulher estar me chamando para almoçar – e eu estar com fome -, li até o final. Falando como jovem: Cara, se você não costuma escrever,assim, como profissional, saiba que você encontrou o que fazer. Você sabe!! Com leveza, com dinamismo, com clareza, sem rebuscos… Muito bom! E se sabe, de longe, que é um jovem que está escrevendo, pelas “licenças”, que acho super válidas. Parabéns, garoto! Só que não é sempre que se tem uma história tão sensacional pra contar. Mas, com um pouco da sua imaginação, você vai longe!! E seu pai é um sujeito de muita coragem, de muita decisão! Já pensou fazer o que ele fez no trânsito dos Estados Unidos? Imagino o que ele faria aqui no Brasil…!! Comigo já aconteceram algumas situações “difíceis”. Mas nada tão “hollywoodiano”…

    Responder

    1. Pior que é tudo verdade. Não tem fantasia nenhuma neste caso.
      Engraçado que aqui no Brasil meu pai dirige todo calmo, super tranquilo. Não sei o que baixou nele naquele dia, hehehe. Perrengue é fogo.

      Responder
  24. Rogê Railande

    “Fudeu. È o Osama!!!”
    HSUAHSUHAUSHUA

    Rí pra caralhoo ‘

    Parabéns pela bela Historia :B

    Responder
  25. WELLYNGTTON

    Cara, esse site vicia… Muiito loko véio..

    “Imagina, você pega um avião tranqüilamente e ele começa a atrasar. Então acontece uma gritaria. Ninguém te dá informação. Dispara um alarme. Você pensa: “Fudeu. È o Osama!!!””

    Essa parte foi d+!!

    Flw

    Responder
  26. Sabrina

    vicieeiii nos teus causos! sfushusahasuasha muito foda!

    rasheiiii aqui no trampo. fushsushushasuhs

    Responder
  27. Elaine

    É mto bom mesmo seus contos Gump!
    Como se diz aqui em Minas “bom dimais da conta, sô”!!!
    Rachei de rir!!! Abraço.

    Responder

    1. Fico feliz que goste. Caso queira, temos o livro do mundo gump, com as melhores histórias e contos revisados, além de material inédito!

      Responder
  28. Annabel_Lee

    uahuahuha

    Adorei sua família!

    “-André, você gostaria de morar aqui?!
    -Sim…
    -Ué! Então porque não fica?!”
    =]

    Responder
  29. Tj Rodrigues

    Que viagem meu! que massa esse texto . kk
    acabei de virar fã do site.

    Responder
  30. Bruno

    Amigo Philipe, uma pena eu não ser cineasta pois ficariamos ricos se filmarmos um longa das suas aventuras rsrsrs adorei todas, comecei a ler seu blog a mais ou menos uma semana, e não paro mais, estou no trabalho e estou lendo, em casa continuo lendo, vou acabar sendo mandado embora rsrsrs seu blog vicia. rsrsrsrsr

    Responder
    1. Philipe3d

      Fico muito feliz que goste, Bruno. Se você for mandado embora, vamos fazer filmes!

      Responder
  31. Edson

    E aí “meirmão”?! Cara, você é comédia demais. Dei muitas gargalhadas com essa história aí. Você poderia ser um ótimo roteirista de filme de comédia. Valeu man.
    PS: Sempre que dá eu tô acompanhando seus posts. Sua primeira experiência paranormal tb foi demais.

    Abraços!!!

    Responder
  32. Rafael Silva Ramos

    Conheci seu site/blog a pouco tempo como pode ver pelos comentários. Sempre lendo entre um trabalho e outro aqui. Rapaz, essa história realmente, foi digna de estar em livro, ou revista, ou qualquer coisa importante. Muito genial.

    Responder
  33. Marcosvinicius A. Fernandes

    Porque aqui no Brasil “Rifle de Assalto” é chamado de “Fuzil”?

    Responder
  34. Résley Ozéias dos Santos

    Muito bom o conto. Mas e a bolsa da sua mãe, o seu pai tinha levado no avião ?

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.