82 Comentários

  1. Fabiano de Souza

    Como eu dissse na primeira parte….maravilhoso….nao tenho muito oq falar…apenas tenho q ler de novo pqé muito bom….adorei….paraben! 😆

    ps – se puderem…dê uma olhada na parte de ovni..eu tenho uma opniao melhor sobre a viagem do homem a Lua..algo q jamais aconteceu!ta tudo lá;;;
    eu nao acredito piamente q nem EUA;;URSS e nem porcaria nenhuma ja estiveram lá. as fotos das sonds nem posso falar nada…mas sie lá né?

    Responder

  2. [quote comment="32419"]very nice
    e a fatima? sobreviveu?[/quote]

    Ele casou com ela. Mas a história acaba antes disso.

    Responder
  3. A Morte

    Bom trabalho, meu menino, muito bom trabalho. Até a próxima !!!
    Muahahahahahahahahaha

    Responder

  4. [quote comment="32424"]E os esclarecimentos na delegacia ??? Como ficou ???[/quote]
    Como ele estava em coma, não pôde ir. As investigações prosseguiram, mas sem descobrir o culpado. Como ele não era um suspeito diretamente relacionado, prestou esclarecimentos sobre Luciana. O delegado queria saber de todo mundo do trabalho se sabiam de algo ou alguém que fosse desafeto dela.
    A polícia nunca o investigou e não descobriu nem sua viagem nem nada. Luciana havia caído sobre a mesa de vidro e estilhaçou o copo que continha suas digitais. Gil nunca foi ligado oficialmente ao crime.

    Responder
  5. Hugo Portela

    Ele se supera a cada dia. Por isso que eu não vivo mais sem esse blog!
    Este teu texto não fica a dever para nenhum filme, para nenhum livro e vou te dizer que é superior a muita coisa de gente famosa que eu já li.
    O interessante do “Despachante da morte” é que tem duas leituras. A mais óbvia é a do realismo fantástico. Nessa proposta a morte realmente existe e fala com Gil.
    Mas há uma segunda opção onde Gil pode ser uma pessoa com sérios problemas mentais. A voz surge quando ele está deprimido. Isso fica claro muitas vezes ao longo do texto.
    Genial. O conflito final, o encontro com uma mulher que buscava alguém para amar. A reação da morte vendo se aproximar a sua própria inexistência. Isso é Sheakesperiano!
    E a alucinação final? Um indiano dando tchau pra ele? Seria um indício de que ele estava piorando? Seria um indício de que ele não matou ninguém e que imaginou tudo? Seria esta uma viagem a uma mente totalmente destruída pelo fracasso da vida?
    Philipe, você é um mestre. Devia estar na ABL!

    Responder

  6. [quote comment="32428"]
    Philipe, você é um mestre. Devia estar na ABL![/quote]

    :lol2: :lol2: :lol2: :lol2: :lol2: :lol2: :lol2: :lol2: :lol2: :lol2:

    Que bom que vc notou as outras leituras.

    Responder
    1. Vinicius

      Eu sempre tive uma dúvida sobre essa coisa das duas leituras …num to dizendo q seja isso , mais , seria possivel , não só o phillipe , como outros escritores , criarem um conto , com duas leituras e outros recursos literários bem complexos e interessantes , sem a intenção disso ? quero dizer , escrever um conto com duas leituras sem querer ?
      Porque eu mesmo ja fiz muito disso nas minhas redações pra escola , e minha professora ficou até impressionada e me elogiou muito , mais não é como se antes de começar o texto eu tenha pré-estabelecido tipo ” Huumm…vou criar este texto , assim , assim e assado ” , sacaram ?

      Responder

      1. Sim, acho que é possível. Neste caso foi proposital, mas é perfeitamente possível que o cara escreva algo bem simples e as pessoas enxerguem grande profundidade no que está escrito ali, pois muito do interessante de uma leitura é a formulação mental de quem lê.
        A propósito desta questão, me lembro que certa vez mostraram ao Rubem Braga (ou seria o Veríssimo?) um texto dele, cobrado no vestibular da FUVEST. O cara leu, observou as possíveis interpretações que os professores deram ao texto dele e concluiu: Porra, nem eu que sou o autor passaria neste vestibular.

        Responder
  7. Bianca'

    Gêeniio *–*’

    Mais agora que a história já acabou,mudando de assunto,e O Relato de um MIB parte 7? 😐

    Responder
  8. DuDu Pinto

    Cara, parabéns!!!

    Não consegui desgrudar nenhum minuto da história, ainda passei o dia todo dando reload na página esperando o final 😛

    Muito boa a história e o final melhor ainda!

    Responder
  9. Zé Paçoca

    parabens muito bom!

    mais explica uma coisa… você não justificou a morte da luciana!
    ou se explicou desculpe minha preguiça em reler as partes anteriores…hehehe
    t+

    Responder
  10. Denny Fanela

    sem comentários…ótimo
    meus parabens sempre visito seu blog Philipe,obrigatório todos os dias é claro.

    Responder
  11. marcelo

    nice… very nice…

    ok, agora vc pode descansar, mas nao se esqueça

    PRODUZA MAIIIIIIIS!

    Responder
  12. Gilberto

    Coincidencia maior é o nome dele com o meu! E também teve outras coincidencias com relação a nomes e números.

    Responder

  13. [quote comment="32476"]Eu já achava que o Gil ia se esculhambar todo no final.[/quote]
    [2]

    Véi, s-h-o-w—d-e—b-o-l-a-!
    Me deu até idéia pra uma crônica de RPG, se importaria se eu baseasse nessa história?
    Se não se importar, vou pedir pros players lerem isso, como uma base. Ae, se tu não se importar e eu fizer, te conto como foi depois. 😉

    Parabéns. /o/

    Responder
  14. Ed

    Show!, Show!, Show!, Show!

    Que história…

    O final ficou melhor ainda.

    Parabéns.

    [quote]-Encomenda pra você! x_x [/quote]

    Responder
  15. FabianoK

    Ahhh massa! Adoro essas histórias! Sempre te visito (todo dia) mas geralmente não coloco comentários mas vc está de parabéns!!

    Ei ando com saudades dos ‘causos’ gump sobre entidades do outro mundo e coisa e tal. Sei que tem mais coisas para contar e vc prometeu faz alguns meses – então se possível e dentro do possível gostaria que fizesse mais uma história dessas!

    Abraços e obrigado pelas histórias!

    Responder
  16. wagner

    Cara, muito legal hein, parabéns… fico imaginando as cenas em filme…ou até em um longa de animação nacional….

    Responder
  17. Felipe

    Simplemente demais! puxa, espetacular! Parabens cara. É por estas e outras que venho ao blog todos os dias. Saúde e sucesso!

    Responder
  18. Fanta

    Muito boa Philipe!!

    Pareceia até aques livros de suspense policial que eu tinha que ler no colégio!

    Nunca gostava de ler, mais quando começava não conseguia parar!

    Este é o legal desses livros e história!

    Está de Parabéns!

    Responder

  19. Fico feliz que vocês tenham curtido. Eu tb curti. Eu ia matar o Gil no final, mas fiquei com pena do cara. Além do mais, agora temos uma porta aberta para um personagem de longa duração em histórias futuras.
    Ninguém, pode usar no seu RPG sem galho.
    Fabiano, eu estava segurando um pouco os casos Gump, porque estou planejando lançar o livro do Mundo Gump. Eu gostaria de lançar este livro com algumas aventuras reais inéditas. Eu estava conversando com uma editora, mas não sei se vai rolar por essa. O primeiro volume já tava dando 500 paginas. Preciso arrumar uma outra editora pra lançar logo isso. A parda tá vidando coleção já, hehehe. Era pra eu ter lançado isso antes do natal de 2007. ;]
    Se alguém conhecer um editor aí e quiser me ajudar, fala do blog pra ele.

    Responder

  20. Valeu! /o/

    Cara, teempos² atrás eu queria fazer um livro também.
    Era um livro de pequenas crônicas e talz, ao meu ver ia ficar tri.
    Eu queria publicar, nem que fosse uma edição, só pra mim e talz. :b
    Falei com um amigo que no qual o pai dele trabalha com algo relacionado a editoras/gráficas e talz. Ele falou que ia falar com ele e até agora espero. :~~

    O pai de outro amigo meu, que infelizmente já faleceu, tinha livros publicados até em inglês. Infelizmente ele não pode ajudar. :/ :worry:

    Responder
  21. Douglas

    Muito bom mesmo!! D+…

    Mas soh me explica uma coisa…

    Como que a fatima nao sabia se o onibus ia para aquela direção se ela morava la? oO :/

    Responder
  22. Marcelo

    Sem palavras… tenho acompanho seu trabalho a tempos e a cada dia você suepreende mais. Parabens!

    Responder
  23. FabianoK

    Uma opinião:
    Você já não pensou em comercializar o livro em formato digital?
    Digamos uma cópia em PDF por um valor pago em paypal, pagseguro, mercadolivre…
    Ou então vender alguns ‘casos’ em formato PDF de qualidade no próprio site: Pagou levou – como se pagasse por paypal e já pudesse fazer o download e ler.
    O bom disto é que o lucro vai diretamente para vc sem atravessadores – o ruim é que pirataria está aí não tem jeito… Mas depenendo de como for ainda ganha ‘uns trocos’ com um processo aqui e ali rsrsrsrs
    Fica aí a idéia!
    Se há 5000 visitas por dia e vc disponibilizasse uma história inédita do mundo gump por R$1 e em 1 mês ‘apenas’ 3000 pessoas comprassem uma cópia virtual seria um ótimo caixinha 🙂

    Responder
  24. Ed

    [quote]Muito bom mesmo!! D+…

    Mas soh me explica uma coisa…

    Como que a fatima nao sabia se o onibus ia para aquela direção se ela morava la? oO :/[/quote]

    Pelo que entendi,…

    Fátima queria apenas confirmar se o ônibus realmente passava perto donde ela morava. Na idéias de confirmar se ela tinha pegado o ônibus certo.

    Deve ter sido algo desta estirpe a abordagem desta parte.

    Minha opinião, claro. ;]

    Responder
  25. Underlost

    Se você lançar o livro do Mundo Gump faz um post dedicado dizendo onde comprar, e tenha certeza que vai ter muita gente querendo comprar.

    Responder
  26. gorethkling

    ola meu filho,
    Barbaridade como vc escreve bem! Seu bisavô Hugo ficaria orgulhoso. Bem eu modestia parte fico super feliz de ver como meu menino é criativo. Vá em frente pois seu maior dom é sem dúvida a escrita. Parabéns, amei!

    Responder
  27. Mezzenga

    Venho aqui todo dia mas não costumo comentar. Ficou muito bom, tomara que vc consiga uma editora se não conseguir, tente comercializá-lo digitalmente mesmo.

    Responder

  28. [quote comment="32545"]Muito bom mesmo!! D+…

    Mas soh me explica uma coisa…

    Como que a fatima nao sabia se o onibus ia para aquela direção se ela morava la? oO :/[/quote]

    A Fatima tinha ido em outro bairro fazer o pré natal. Então ela pegou um ônibus para ir e outro para voltar. Daí que ela não sabia se o ônibus que ela pegou para voltar passava mesmo no bairro dela. É que no texto as coisas acontecem rápido, mas entre as duas paradas do ônibus e a pracinha onde eles desceram o veículo andou pra caramba, hehehe.

    Responder

  29. [quote comment="32575"]ola meu filho,
    Barbaridade como vc escreve bem! Seu bisavô Hugo ficaria orgulhoso. Bem eu modestia parte fico super feliz de ver como meu menino é criativo. Vá em frente pois seu maior dom é sem dúvida a escrita. Parabéns, amei![/quote]

    Valeu mãe! 😆

    Responder

  30. [quote comment="32568"]Uma opinião:
    Você já não pensou em comercializar o livro em formato digital?
    Digamos uma cópia em PDF por um valor pago em paypal, pagseguro, mercadolivre…
    Ou então vender alguns ‘casos’ em formato PDF de qualidade no próprio site: Pagou levou – como se pagasse por paypal e já pudesse fazer o download e ler.
    O bom disto é que o lucro vai diretamente para vc sem atravessadores – o ruim é que pirataria está aí não tem jeito… Mas depenendo de como for ainda ganha ‘uns trocos’ com um processo aqui e ali rsrsrsrs
    Fica aí a idéia!
    Se há 5000 visitas por dia e vc disponibilizasse uma história inédita do mundo gump por R$1 e em 1 mês ‘apenas’ 3000 pessoas comprassem uma cópia virtual seria um ótimo caixinha :)[/quote]

    A idéia é boa e eu tinha pensado nisso. Está nos meus planos lançar uma versão ebook do livro. Mas só pretendo lançar esta versão do volume 1 quando estiver lançando o volume 2 físico, e assim sucessivamente. Tem que ser assim porque muitas editoras já são cheias de merda de lançar um livro inédito, imagina o cara investir num livro que já tem a 1 real na web… Então preciso lançar o físico primeiro e só depois a versão ebook dele (e isso se o contrato com o futuro editor permitir)

    Responder
  31. Brunus

    Po, eu definitivamente compraria um livro seu, Kling. Dormiria na frente da livraria se precisa-se, huasuashuas.

    Te confesso que na parte 3 eu achei a morte era o espirito de um marginal que tava usando o Gilberto pra se vingar dos caras que ferraram ele… muito boa reviravolta no final.

    Flws. 😀

    Responder
  32. firmino

    ficou mto bom! nota 10, garoto!

    mais explica ai… qual foi a justificativa da morte de Luciana para que Gil tivesse que mata-la?

    flws

    Responder

  33. [quote comment="32637"]ficou mto bom! nota 10, garoto!

    mais explica ai… qual foi a justificativa da morte de Luciana para que Gil tivesse que mata-la?

    flws[/quote]

    No rascunho da idéia, Luciana iria dar mole pra ele. Então ele gastaria mais da metade do salário dele para dar um presente de natal pra ela, quando ela daria um fora nele e ficando com a jóia, mostrando-se uma mulher totalmente sacana. Mas eu resolvi não usar isso, porque achei que daria uma certa profundidade na perturbação do cara se ele matasse apenas movido por sentimentos próprios, como ciúmes da relação dela com outro cara e para mostrar que ele estava totalmente a mercê dos desmandos da morte. para a segunda leitura em que ele é apenas um psicótico, isso era fundamental.
    A morte da Luciana tb era importante para quebrar o único elo afetivo que o ligava ao trabalho. A partir desta morte ele passa a chegar tarde, sai no meio do expediente, começa a se revoltar mais. E fica definitivamente mais frio.

    Responder
  34. Mindu

    :ohhyeahh: foda!
    fiquei uma semana sem passar por aqui e li tudo de uma vez só.
    Parabéns. Dava um ótimo curta ou média-metragem.
    Pense nisso.
    Abração!

    Responder
  35. yakuza

    ah, maluco… o velho apgou o pato no final… zuado isso.
    mas a historia foi legal… despretensiosa… pendeu a atenção… aaprovado! hehehe

    Responder
  36. Fernando

    Não lia um conto bom desse há mmmmto tempo!

    Excelente trabalho Philipe!!

    Abraços

    Responder

  37. [quote comment="32545"]Muito bom mesmo!! D+…

    Mas soh me explica uma coisa…

    Como que a fatima nao sabia se o onibus ia para aquela direção se ela morava la? oO :/[/quote]

    Apesar do Philipe já ter dado a explicação e talz…
    Eu, quando vou pegar o ônibus pro meu bairro aqui… Mesmo ‘tando escancarado ali em cima onde diz a direção, mesmo tendo a plaquinha do lado da porta dizendo pra onde vai e talz… Eu sempre dou um branco e fico me perguntando se peguei o ônibus certo, isso até eu ver algum ponto de referência. ashuuahs
    E isso acontece com a maioria das pessoas que conheço. ;b

    Responder
  38. Gilberto

    Philipe, agora me explica o pq do ruído de rádio fora do ar e o sotaque carioca da morte. No inicio pensei que fosse alguma armção que fizeram com ele, pq qual seria a finalidade d a morte ter um sotaque?

    Responder
  39. Destino

    Vai ver não era a morte..e sim um teste de controle mental..por ondas de satélite.. feitos pelo governo secreto.

    Responder
  40. Luiz Gustavo

    Caro Philipe, sinceramente, estou de pé te aplaudindo agora. Parabéns.

    Responder

  41. MAN,

    Veja só isso.

    Você, sei lá… Não sei se é assim tão simples, tenho só 13 anos de idade. Mas, você poderia chegar na maior cara de pau (ou não) na Globo, sei lá… E entregar isso para fazerem um filme.

    Afinal,
    no Brasil os filmes de “sucesso” que existem são produzidos pela Rede Globo.
    ___

    Tente pelo menos,
    Quem diz que Nerd é um panaca que só presta para estudar? Han? Não que eu seja, mas… Philipe, vejo que você é um Nerd NATO.

    “HE’S THE MAN” – Barack Obama sobre Philipe.

    HMMM… Quero lhe conheçer pessoalmente.

    Responder
  42. DANIEL

    Caraiooooo, tua criatividade ñ tem limites pelo o q eu vejo, porra, quisera eu ter uma criatividade dessa, tem dia q eu vô escrever alguma coisa e nada vem. Cara, concordo com a Daniele Dias, Philipe na ABL já!!!

    Responder
    1. DanXP

      Ainda continuo apoiando a ideia de Philipe na ABL já, mas minha criatividade tá voltando, êêêêêêêêê

      Responder
      1. Philipe3d

        Hahaha. Que nada. tenho plena consciência da minha insignificância literária. Mas acho que serve pra dar uma animada enquanto walking dead não volta.

        Responder
  43. Daniel

    Legal Philipe parabéns!

    O texto conseguiu me prender até o fim, acho que você tem muito talento para escrever romances policiais, continue assim :)!

    A propósito…você parece o Serginho Malandro nessa foto! rsrs:)

    Responder
  44. Talita Ribeiro

    Adorei!!!
    FAz até uma analise profunda sobre vida, morte e destino… Coisas que não conhecemos.
    Adoro seus contos!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.