Mulher russa dá a luz ao “bebê Hulk”

Ter filho é uma das coisas mais bonitas que uma mulher faz ao longo da sua existência. Algumas mães alegam que ter o filho de parto normal é a pior dor que sentiram na vida, mas que no fim, compensa. De fato, nenhum homem pode saber como é expulsar uma criança de dentro dele. Bem, eu dou graças a Deus por isso ao descobrir que o maior bebê que já nasceu surgiu do ventre de uma mulher russa.

1-1139.jpg


3-1120.jpg

4-1077.jpg

2-1135.jpg

O inacreditável bebezão, chamado de “bebê Hulk” carinhosamente por mim, nasceu com graves problemas de saúde. O que era de se esperar para uma criança deste tamanhão. A mãe, coitada, precisou ter o bebê de cesariana por motivos óbvios. É uma menina que nasceu em Altai, ao sul da Siberia no mês de setembro. Ela pesa 7,5kg e sua mãe, Tatyana Khalina, 42, já é experiente. Todos os bebês de Tatyana nasceram pesando mais de 5 kg, segundo informações de um repórter local reproduzidas pela agência de notícias Reuters. E o pior não é isso…

È o 12 filho do casal!

PQP! Esses tiveram filhos todas as vezes que transaram.

Engana-se quem pensa que esse é o bebê mais pesado que já foi registrado. O recorde é de um (só pode ser filhote de ogro) bebê que nasceu em 1979 nos EUA que pesava, acredite se quiser, mais de 10 kg! Era tão pesado que morreu 11 horas depois.

Fonte: Pravda

1 comentário em “Mulher russa dá a luz ao “bebê Hulk””

  1. Provavelmente a mãe é diabética e por ser camponesa numa região tão inóspita e isolada,nunca deve ter se tratado na vida. Nem deve saber que é doente.
    O nascimento de crianças imensas desse jeito é muito mais frequente do que se pensa,só aqui nos hospitais públicos do Rio surgem umas 10 ou 20 por mês.

    Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares