Um dia de fúria

Sharing is caring!

Tem momentos em que eu sou completamente desequilibrado e tenho completa noção disso. Por isso nunca desejei ter uma arma. Tenho a cristalina noção que numa situação limite eu posso dar um tiro bem no meio da cara de qualquer pessoa, com ZERO remorso.
Talvez eu seja um psicopata.
Sim, um psicopata controlado, é isso o que eu sou! É como David Banner com o Hulk o tempo todo dentro dele, só esperando aquela brecha, aquele momento fugaz em que Murphy esfrega na nossa cara suas mais sábias e precisas leis, para ele explodir com sua fúria assassina, esmagando tudo que há em volta, sem controle, até que não reste nada.

2420913-406px_hulk13

Sabe o dia que eu marretei o tanque? Aconteceu de novo hoje, mas não foi com o tanque, foi com o meu tablet.

Perdi a linha com a porra do touch que tava maluco, eu tentava escrever uma coisa, saía outra, a tela acendia, apagava, o touch parava de funcionar, voltava e o tablet começou a reiniciar direto. Chegou uma hora que consegui fazer funcionar e quando estava quase conseguindo colocar a senha para zerar a configuração de fabrica (depois de dezenas de tentativas) a merda desligou e reiniciou de novo. Porra meu…  Soquei o aparelho na parede. Me arrependi minutos depois de socar o aparelho umas dez vezes no chão depois de jogá-lo na parede, mas já era tarde para o pobre Galaxy Tab 2:

10987702_906535866058888_3269620434670269879_n

O que me dá mais ódio é que essa merda era um ótimo aparelho, que eu gostava pra caramba. Perfeito para ver Netflix na cama antes de dormir.

Felizmente o Davi não estava aqui na hora. Poderia ter até sobrado pra ele. Mesmo que não sobrasse, ver o pai explodir um gadget na parede não é o tipo de lição que pretendo que ele tenha na vida. Tenho medo desse lado estúpido e incontrolável da minha personalidade. Quando as coisas passam de um certo limite de raiva/frustração não consigo manter o controle dos meus atos por muito tempo. É absolutamente claro pra mim que eu poderia matar alguém nesse estado.
Já comecei a desmontar a carcaça esfacelada que está soltando caco de vidro pelo escritório inteiro e arrancar as pecinhas para usar depois em alguma coisa. Consegui arrancar umas películas muito loucas da tela dele.

1619548_906554319390376_6469977961962225150_n

Só me resta agora torcer para que o monstro que habita em mim não torne mais a se manifestar, pelo menos esse ano.

Ufos,mistérios,curiosidades e muito mais
Luminária Ufo

53 comentários em “Um dia de fúria”

  1. Vejo que não sou o único que tem mania de descer a porrada em objetos inanimados como se eles fossem pessoas que param de funcionar só pra nos irritar. É computador, celular, controle remoto, TV, etc.

    Responder
  2. Pois é, meu caro…ninguém é de ferro.

    Da próxima vez que isso acontecer, faça um esforço hercúlio…saia da sala, vá até a geladeira, pegue todas as formas de gelo e despeje no seu tanque…na lavanderia. Feito isso, encha-o com água. Depois de cheio, enfie a cabeça dentro da água gelada e grite a plenos pulmões todos os palavrões que você conhece. Eu sei que é difícil se segurar por tanto tempo, mas funciona…você se acalma rapidinho e as pessoas que estão por perto nem percebem sua ira se dissipando. Lamento pelo ocorrido, mas somos assim mesmo, né? Grande abraço

    Responder
  3. Respirar fundo nem sempre funciona, eu sei, também já quebrei algumas coisas, mas em todo caso é melhor procurar um psicólogo, ele poderá te ajudar melhor que qualquer um (se é que você precisa de ajuda).

    Responder
  4. cadê os leitores mais abastados do Philipe? é chegada a hora de um pouco de retribuição! vamos juntar grana para comprar um tablet decente pra ele ou mesmo pleitear que um patrocinador faça esta benesse ao nosso querido amigo!

    Responder
    • Não, não precisa. Vou comprar um exatamente igual novamente, pq eu gostava dele. Ele é muito bom. O problema com o touch deu porque a Nivea deixou ele debaixo duma goteira e não viu.

      Responder
      • Eu insisto em meu pleito, Philipe! Estou quase falido no momento (verdade), mas vou fazer o q posso… Peço que os colegas leitores do nosso amigo blogueiro (“Curuzes!”) se mobilizem! Um pouco de retribuição e reconhecimento não custa nada para quem satisfaz nossa ânsia diária por informação e lazer! Abs

        Responder
        • Peço que os colegas leitores do nosso amigo blogueiro (“Curuzes!”) se mobilizem! Um pouco de retribuição e reconhecimento PARA COMPENSAR UM POUCO NOSSO AMIGO BLOGUEIRO não custa nada para quem satisfaz nossa ânsia diária por informação e lazer!
          – Philipe, vc não usa mais aquele esquema dos cafezinhos (doação via PayPal)?

          Responder
          • Doação ainda tem sim, mas acho que nem é o caso. A culpa é minha, eu que fui um idiota de jogar a porra na parede. Tudo bem que não tava funcionando, mas teria sido mil vezes mais esperto desmontar ele inteiro e tentar vender peças dele no ML. OU fazer um robozinho.
            O modulo de câmera dele saiu inteirinho. Se eu fosse só um pouco mais magáiver poderia tentar fazer um aparato espião para acoplar nos meus óculos escuros e tirar fotos com ele! O GUMP GLASS!

  5. Também tenho algo assim, por falta de nome melhor resolvi chamar de “modo berserker”.
    No mais acho que um monte de gente já avisou que o certo é Bruce Banner e não David

    Responder
  6. No ML tem dessa tela por 60~90 reais. Por mais que vc tenha batido, acho que volta a funcionar. E esse problema do touch, vc ia ter que trocar a tela de qqr jeito. Dica: a cola que já vem na tela não serve, cole com cola epoxi líquida.

    Responder
  7. hehe eu tambem tenho ums desses surto mais eu tenho uma técnica infalível, saia de perto de tudo q possa ser jogado q se quebra com facilidade ou alguma coisa q tenha a forma perfeita para ser espancada (como a tela do pc -_-‘) i o principal n tenha uma arma em casa kkkk

    Responder
  8. Bom, só lhe resta sugerir um substituto:
    Vai de galaxy tabpro 8.4, to com um há 6 meses, é fenomenal, e o preço é barato demais se comparado em performance com os seus “pares”. quad core 2.3 ghz por preço de dual 1.2.

    Responder
  9. Philipe, o que eu posso te dizer é que eu te entendo… rsrs..
    Eu já fui muito mais impulsivo, hoje consigo me controlar mais, é como se a criatura estivesse adormecido há alguns anos, este teu episódio me lembrou certa vez quando eu ainda morava sozinho, todo os dias eu chegava em casa com muito calor e minha kitnet na época recebia sol o dia todo, e quando eu chegava estava um verdadeiro forno, a primeira coisa que eu fazia ao chegar era ligar o ventilador (Aquela época era brabo nem tinha ar) só que o ventilador começou a dar problemas, a hélice parava as vezes, eu tinha que ficar dando um “trancos” na hélice para ela voltar, todo dia era essa história, eu morrendo de calor ficava dando uns “trancos” no ventilador, depois de um tempo ficava uns 20min dando “tranco” naquela joça, um belo dia eu peguei o ventilador taquei no chão com toda força e fiquei chutando o ventilador até virar sucata ! arrebentei o dedão do pé.. mas destruí o maldito ventilador !!!

    Me senti bem melhor depois.

    Responder
  10. Pensei que eu fosse a única agraciada com um marido ‘temperamental’! Temos um note dell que apanha mais que mulher de malandro, aliás recomendo a dell, kkkk, o note segue firme e forte. Philipe tb recomento o galaxypro, tenho um 10.1 comprei por 998 dilmas e não me arrependo.

    Responder
    • Sabe que pensando racionalmente sobre o caso, pode ser que eu não estivesse completamente acordado quando taquei a porra na parede. Dormi pessimamente esta noite e acho que isso contribuiu.

      Responder
  11. Também tenho meus momentos de descontrole, mas ao invés de bater nas coisas e tacar tudo no chão, eu grito. Grito tanto que se quisesse eu seria a figurante mais bem paga de programas baixarias tipo Casos de Família. É incrível como dar uns berros em momentos estratégicos desopila maravilhosamente meu fígado.

    Responder
  12. Sempre fui campeão na arte do descontrole emocional, há menos de uma semana foi um nokia que eu tenho que foi premiado com um vôo direto (sem escalas) ao braço do meu sofá [detalhe que foi arremessado com força moderada pois o meu racional ainda me avisou da estupidez] e, como td burrice é premiada, bateu na ripa do braço e estraçalhou o display.

    Se vc se perguntar o pq, te digo que estava em uma crescente de aborrecimento com o jogo The Last of us (não jogue no Hard).

    Sou do tipo que se dou uma topada, uma esbarrada ou cabeçada em um objeto inanimado, respondo com agressão, aliás, costumo reagir à dor com violência. São 3 segundos de ira e foda-se que são mentalmente trabalhados por mim para não existir mais. Hoje eu já consigo pensar que estou em transe (irá) mas nem sempre consigo frear (foda-se).

    Minha fica transtornada comigo após esses acessos.

    O detalhe é: tenho porte de arma pois meu trabalho me exige e te digo que com grandes poderes vem grandes responsabilidades (ce sabe do q eu tô falando) Kkkkkk , quando estou armado eu passo a pensar e agir de forma mecânica, fico imperturbável, creio q vc tb. seria assim pois, apesar de explosivos, somos inteligentes.

    Abraços

    Responder
  13. O detalhe é, após escrever meu comentário de um smartphone (odeio escrever mt. nele) a Internet caiu e perdi a [email protected] do texto. Olhei carinhosamente para a arma, para ele e para o modem da Internet e… Decidi dar risada e escrever td de novo. rs

    Responder
  14. Philipe, vc não retirou as amigdalas, né ?
    Geralmente quem tem as amigdalas “super estimuláveis” (meu caso), tem esses sintomas de fúria repentina. Estou tentando comprovar isto em outras pessoas…
    Raramente/NUNCA vejo uma pessoa que tenha retirado as amigdalas ter esse tipo de reação.

    Responder
    • Vc está confundindo as coisas. São as amígdalas cerebrais a que vc esta se referindo. Essas sim tem ligação com as emoções. São estruturas cerebrais, e não são extraíveis.
      As da garganta não tem nada a ver com emoções (na verdade, o nome correto destas é tonsilas). Essas sim são extraídas quando muito infectadas.

      Responder
  15. Isso acontece comigo tbm, a ultima vitima foi um ventilador, o dia estava quente e a raiva parecia que fazia pingar mais suor e eu la virando o botão e só ouvindo um zumbido, dai vem aquela respirada bem funda e a conformação que o aparelho não vai entender xingamento nenhum, logo os tornando inúteis, dai o arremesso na parede e o pensamento no dinheiro que foi investido.
    Ja dei um soco no meu moto g pelo mesmo motivo, felizmente não quebrou a tela, pra resolver eu comprei aqueles spray pra limpar lcd.

    Responder
  16. Cara… certa vez eu tinha um Ericsson T18Z. tava tão p da cara que joguei ele pela janela do apartamento onde morava.
    Era o 1º andar e do outro lado da rua tinha um estacionamento grande de uma revenda de carros.
    Deixei ele lá…
    No dia seguinte, fui até p estacionamento, catei as partes do telefone, montei e ele funcionou normalmente.
    Esse era guerreiro. Mas não tinha tela de LCD, claro….
    Ultimamente não tenho jogado nada…. e sinto falta às vezes… hehehehe…

    Responder
  17. Cara, fiz o mesmo que você fez com seu tablet com todos os celulares que tive nos últimos 3 anos. Já não tenho muito amor por essas coisas, ai é só dar um pequeno defeito, como esse da touch screen, que é a minha desculpa para enfiar no chão ou em uma parede.

    Acho que todo mundo tem momentos assim Philipe, basta uma brecha pra soltar tudo o que ficou acumulado de situação anteriores, e é melhor que seja em um equipamento que eu outra pessoa.

    Responder
  18. Tenho um iPhone 5. Depois que fiz o upgrade do iOS, ele começou a apresentar uma série de problemas: bateria que se gasta rápido, traçamento constante dia sim dia sim, e, o pior, não faz nem recebe mais ligações telefônicas. Minha reação? Nenhuma. Se está dando ainda para navegar na net, tá valendo. Quando o aparelho parar de vez, enfio ele numa gaveta e pronto.

    Responder
  19. Tb recomendo o Ipad, se você prometer a si mesmo não atacá-lo. Se não, continue com o Samsung, rs.

    Eu fiquei encucada com algo. Você disse que se o David estivesse por perto, teria sobrado pra ele. Como assim? Sei que você cega de ódio e não consegue se controlar, mas seu nível Hulk não deixaria escapar nem o moleque? Bem tenso isso daí. Não será o caso de procurar um psicologo?

    Responder
  20. Cara, quando eu fico com aquela raiva incontrolável, aquela vontade de detonar o PC ou algum outro aparelho eu lembro do quão difícil foi juntar a grana pra comprar a bagaça, aí eu fico calminho na hora. kkkkkkkkkk

    Responder
    • Nos quadrinhos sim, mas no seriado classico com o Lou Ferrigno, o personagem do Bill Bixbi chama-se David Bruce Banner. Além disso, “Bruce” não dá liga com meu sobrenome, hehe.

      Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Um dia de fúria

Apoie este projeto

Criar este website não é uma tarefa fácil. Mais de 5000 artigos, mais de 100.000 comentários e conteúdo próprio, demandam muito trabalho. Saiba como você pode ajudar a manter o Mundo Gump cada vez melhor e evitar que ESTE SITE ACABE
Ajuda aí?
MUNDO GUMP – © 2006 – 2020 – Todos os direitos reservados.