Gelo fervente

Gelo fervente
Um título estranho o deste post, sem dúvida.
Mas é a pura verdade. Os cientistas estão congelando a água em velocidades inimagináveis, jogando-a do estado líquido para o gelo em nanosegundos.
Isso é meio doido. Mas a parte realmente louca vem agora: No Laboratório Nacional em Sandia estão trabalhando numa enorme máquina Z – ( também fiz esta cara de que porra é essa?) capaz de criar um gelo tão quente quanto água fervendo. Minto. Um gelo tão quente quanto a superfície do Sol. Minto novamente… Um gelo MAIS QUENTE QUE A SUPERFÍCIE DO SOL!
A explicação é de retorcer o dendrito e o axônio:
São três as fases da água que nós conhecemos bem – Gelo – no frio, água – em temperatura ambiente e vapor quente quando ela esquenta. Só que isso na verdade é uma distorção que representa apenas uma pequena fração do repertório de estados que a água é capaz de alcançar.
Ao ser comprimida a água aquece. Mas sobre extrema compressão, fica mais fácil para a água densa entrar em estado sólido (gelo) do que manter um estado energético maior (líquido).

Então, quantos estados a água pode ter? ( pelo que sabemos até agora)

11. São onze estados diferentes, mas não compreendemos completamente suas características e comportamentos. Isso justifica este tipo de pesquisa que pode nos apontar novas direções na compreensão das características da matéria no Universo.
Link

Related Post

1 comentário em “Gelo fervente”

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

shares