20 Comentários

  1. marcelo

    nossa cara, fazia tempo que eu não ria tanto com uma história lida. sei como é difícil escrever um texto longo e complexo como esse, mas fico muito bom. Parabéns!

    Responder
  2. Victor

    Ahahahah sensacional! A tua narrativa é espectacular. E ainda estou a espera de uma estória que disseste que não ias contar, que envolve borrar nas calças. Aquele causo foi se não me engano o 2º das 3 borradas que deste nas calças. O terceiro foi prometido que não ia ser contado, tamanha a vergonha.

    Responder
  3. Rafael

    Porra Philipe, eu tô trabalhando cara kkkkkkkkk, segurei aqui pra não gargalhar com a foto do BOZO ahuahauuha

    Responder
  4. wagner

    Quem nunca pegou uma guria que mais parece uma batida de trem pro amigo pegar a outra melhor, não sabe o significado da verdadeira amizade, kkkkkk

    Responder
  5. Ricardo

    Texto phodástico!!!
    muito bom mesmo, vc nasceu pra escrever.
    A riqueza de detalhes fez minha imaginação trabalhar, coisa rara ultimamente.
    To no trabalho rindo pro monitor.

    Responder
  6. Danilo

    Muito boa a história Philipe hahahaha
    Estava com saudades dos seus contos.

    Abraços!

    Responder
  7. André Luís Faria

    Me vi rettratado no seu texto quase linha a linha. Kkkkkkkkkk.. E me sobrou a Fera, nao a Bela. Rs

    Responder
  8. caio

    engraçado, nasci em 93 e com 17 anos nas baladinhas, eu e os amigos achavamos melhor caçar em dois pelo menos haha

    Responder
  9. Erick

    Muito Show Manow!!!

    Muito bom mesmo… Ler esse “causo” me lembrou de um evento de um colega…

    Teve uma daquelas festas tipo Rave… Foi numa chácara aqui em Campo Grande MS, e fomos com vários amigos… É uma dessas festas que começa à noite e acaba à noite do dia seguinte…

    A unica diferença é que já tinhamos uns 20 anos todos… Fomos com um grupo de amigos pra zoar mesmo…

    Um dos nossos amigos o “Derico” era o típico amigo nerd… que falava que tinha namorada, mas ninguem NUNCA VIU!!!!… Passava o dia todo na lan house…

    Nesse dia da festa, fizemos uma promessa de encontrar uma mina para o cara!!!!

    Porém na hora da festa, cada um pegou seu rumo e largamos o Derico sozinho…

    Sabe-se lá que horas encontramos o Derico com uma mina… O fato foi tão surpreendente que ninguem acreditava. A mina era tão feia, mas tão feia que parece que tinham atropelado ela… com um trator.

    Todos pra lá de bagdá, já trêbados, começamos a comemorar a “iniciação” do amigo, e enquanto a mina ia pegar uma cerva, iniciamos o interrogatório a respeito dela…

    Ficamos tirando sarro, falando que ele tinha pego uma Empregada doméstica…

    O Derico empolgadão, tendo feito isso pela primeira vez (ficar com uma garota) nos contou que na verdade ela era Catadora de Latinha.. (dessas que vão para pegar e juntar uma grana)…

    Nunca ri tanto na vida…. Foi épico!!!!

    Catadora de Latinha!!!!!

    Todo mundo já ficou com mulheres feias… faz parte… agora o Derico conseguiu Superar todos…

    Superou tanto que hoje estão casados… Segundo ele foi amor a primeira vista!!!

    Cara, só de lembrar ja comeco a rir ahuahauhau

    Muito Bom!!!

    Show !!!

    Cheers!!

    Responder
  10. Aline Carneiro

    Um dia vou escrever um texto assim do ponto de vista feminino. Porque eu também ia para essas azarações. =D

    Responder
  11. BEZALEL

    ALINE: essa eu quero ver. Vai ser muito legal ver as “troladas” pelo ponto de vista femenino.
    Ma minha cidade tem a “MÜCHEN FEST” e as coisas aconteciam mais ou menos assim também. Bons tempos, hahaha!

    Responder
  12. Gabriel

    Parabéns pelo texto, ficou ótimo! Me fez lembrar dos rodeios de interior que eu frequentava na juventude. Bons tempos aqueles.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.