Estranhas coincidências

Uma vez me aconteceu uma coincidência que eu guardei para contar quando tivesse uma biografia. Como o Rio anda meio violento, eu acho melhor publicar aqui antes que eu possa me estrepar.

Eu tinha uns 20 anos e estava no mIRC ( um sistema de chat).
Entrei de madrugada pra bater papo com o pessoal da lista de 3d. Como na hora que eu entrei não tinha ninguém, resolvi conversar com alguém. Entrei no canal BRASIL.
No canal Brasil tinha umas mil e tantas pessoas. Escolhi aleatóriamente um nick de mulher.
Mandei aquele clássico “oi” e esperei uma resposta.
Ela me respondeu.
Então começamos a bater papo. Aquele texto “padrão” de MIRC. Onde você está, seu nome, seu signo, sua idade…
Comecei pela idade. Ela disse que tinha 20.
– Que legal, eu também.
-Você mora onde? – Ela perguntou.
– No Rio. – Disse eu. E já emendei a pergunta: E você?
– Eu também.
– Que coincidência.
-Pois é.
– Em que cidade?
– Em Niterói.
-Caramba.
– Que foi?
– Eu tb estou em Nikity.
– Nossa. Que bairro? Só falta ser Icaraí.
– Isso mesmo. Icaraí.
-Pô, no canal do Brasil inteiro eu acho alguém no mesmo bairro que eu. Inacreditável.
-MAs em que rua vocÊ está? Eu estou na Praia de Icaraí – disse ela. Aí eu bolei. Eu estava também. Na mesma rua.
-Eu estou na mesma rua. Também moro na Praia.
– Uau! Só falta ser no mesmo prédio.
-Aí seria mais que impossível. Eu estou no Varandas.
-No varandas de Icaraí? No 75???? – Disse ela seguido de uma coisa assim: <8O
Eu bolei na hora. Uma pessoa no meu prédio! Escolhida ao acaso no canal do país inteiro da rede BraSIRC.
– Eu estou aqui sim. No 10 andar. – disse ela.
Era meu andar! Como dizer isso pra ela?
– Olha, eu também estou, acredite se quiser, no mesmo andar que você.
-Ah, você está de sacanagem!
-Não, juro. Estou no apartamento 1004!
-Calmaí! No 1004 eu que estou! Como é que pode? – comecei a pensar que era algum tipo de hacker tirando onda com a minha cara. RAstreamento pelo Ip, coisas de 007. E ela continuou:
-VocE está de brincadeira. Como sabe onde eu moro?
– Ei, eu não sei nada. Só sei que este endereõ que você deu é o meu.
-Não não é.
-É.
-…
-…
-…
-… – Aí caiu a ficha:
-Ei.
-…
-Ei!!!! Que bloco?
-Bloco b.
– Ah! Eu estou no bloco A.
– Caramba!!!!!!! Sai aí na varanda pra eu ter certeza.
-Já vou.

Aí eu corri na varanda e logo depois uma menina de uns quatorze anos apareceu na varanda em frente. Deu um tchau meio sem graça e entrou. Eu nunca mais a vi.

É incrível ou não é?

A menina era a irmã da Manoela. Minha vizinha na época.

Comments

comments

10 comentários em “Estranhas coincidências”

  1. hahaha
    coincidência mermo! Já aconteceu uma coisa parecida comigo no mirc também. Entre um montão de gente eu falei logo com um menino da minha cidade (e olha q a cidade é pequena, de interior). e morava na rua do lado da minha.

  2. Muita coincidencia mesmo!!! Putz! Ah, vakeu pela dica, eu estav sentindo as coisas meio devagar mesmo,… engraçado que fui deletar uns banners de blogs inativos e acabei fazendo besteira no meu template e deletei alguma parte sem querer e não percebi até que salvei. Bom, acabou que tive de refazer tudo e acho que ficou mais “limpo”… abração e Feliz Páscoa”

  3. Eu morava em Taguatinga – DF (uma antigamente denominada cidade-satélite dentro do Distrito Federal), e me mudei para Brasília propriamente dita (é, fisicamente perto da roubalheira toda, mas tão longe dela quanto qualquer cidadão brasileiro). E eu não conhecia ninguém por aqui. Aí entrei no mIRC, no canal Brasilia e comecei a falar merda com a galera que já estava a falar merda por ali. Conversa vai, um maluco pergunta se alguém morava em tal quadra (os endereços aqui são um tanto diferentes – nada de ruas, bairros ou avenidas, a coisa aqui é na base das siglas, números e coordenadas cartesianas) e eu disse que morava. Aí ele perguntou se eu conhecia fulano, sicrano e beltrano e eu disse que morava aqui há pouco tempo e não conhecia ninguém. Conversa continua. Pra encurtar a história, foi a primeira vez que falei com meu vizinho (mesmo prédio, mesmo andar, apartamento do lado).

  4. aconteceu algo nao tao incrivel comigo mas foi baita coincidencia, eu jogava GunBound (joguinho de tiro, multplayer) Dai entrei numa sala pra espera q comesasse a guerra, quando entra uma guria com nick de Colorada sei lah das quantas, como eu tambem so colorado bah fui puxa papo jah q o Time tinha ganhado um GreNal (classico gaúcho) a pouco tempo, comecei a fala dai papo vai papo vem a gente tinha bastante coisa em comum, fui perguntando mais e mais, dai perguntei “De que cidade tu é?” Ela resnpondeu q era de Gravataí dai eu “bah eu tbm, so da MV1” dai ela “ahhhhh eu tambem” dai eu fikei desconfiado, dai fui perguntando pra ve se eu conhecia “ah tu mora perto da onde?…” ela respondeu: “Perto da praça”, e começo a fala dela dai eu vi que nao conhecia… dai chamei meu irmao pra ve se ele conhecia, e ele conhecia! dai acabo a batalha e o dono da sala kicko ela e eu nunca mais achei ela no jogo, Lokura xD

  5. To achando sua historias mto legais e ilarias.
    Aconteceu uma coisa pareceida com um amigo meu.
    Nos(eu e meu amigo) faziamos curso de informatica no CNI.Num belo dia de curso ele resolve entra no msn e bate-papo, conversa vai e conversa vem, ele encontra um atal de Aline no bate papo add ela no msn.Logo apos entraram no msn e conversaram a aula inteira.Meu professor tinha visto e eu achei estranho ele nao falar nada do tipo: fecha o msn e faz os exercicios.Mas meu amigo continuou a conversa e falou q tinha 40 anos, 2 filhos e ela disse que tinha 42 e tbm 2 filhos.Ate que o sino bate e meu amigo se despede e sai do msn.Na porta da sala meu professor para uma menina e meu amigo na porta da sala e diz: Gustavo Aline e Aline Gustavo.Por incrivel que pareça ele estava conversando com a prorpia cologa de turma e nehum dos 2 sabiam.
    Depois desse dia eles viraram amigos e nos 3 zuavamos a aula inteira.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.