Cidade chinesa propõe construir uma nova lua

Compartilhe

O presidente de um grupo privado em Chengdu, na China, revelou recentemente seus planos para lançar uma “nova lua”. Essa lua seria na forma de um  satélite para gerar uma “lua artificial” até oito vezes mais brilhante que a lua real e assim, ser capaz de substituir os postes tradicionais.

Ideia maluca?

O ambicioso projeto foi anunciado em um evento nacional de inovação e empreendedorismo em massa realizado em Chengdu, uma cidade de 14 milhões de habitantes na província de Sichuan, no sudoeste da China. Wu Chunfeng, o presidente do  Chengdu Aerospace Science and Technology Microelectronics System Research Institute Co (Casc) revelou planos para lançar um satélite de iluminação referido como uma “lua artificial”, que seria oito vezes mais brilhante que o satélite natural da Terra e capaz de uma área com um diâmetro de 10 a 80km.

7 chinesetreat Cidade chinesa propõe construir uma nova lua

O satélite inovador “projetado para complementar a luz da lua à noite” aparentemente está em curso há anos, mas graças ao rápido avanço da tecnologia, ele deve estar pronto para o lançamento em 2020. Embora os detalhes exatos do satélite ainda não tenham sido revelados.  Alguns meios de comunicação informam que ele terá um revestimento que pode refletir a luz do sol com placas semelhantes a painéis solares, que podem ser ajustadas para permitir que a luz se concentre em locais precisos.

“O brilho e o tempo de serviço dos satélites são ajustáveis, e a precisão da iluminação pode ser controlada em algumas dezenas de metros”, disse Wu Chunfeng.

Ainda não se sabe se o projeto tem o apoio do governo chinês ou mesmo das autoridades de Chengdu, mas autoridades da cidade chinesa se declararam intrigadas, dizendo que isso poderia de fato reduzir custos em postes de luz e até impulsionar o turismo local.

FOREIGN201810160906000591283229352 Cidade chinesa propõe construir uma nova lua

Embora a ideia de uma lua artificial brilhante definitivamente pareça interessante, ela também levanta muitas questões. As pessoas na plataforma chinesa de mídia social Weibo têm perguntado como a luz artificial afetaria os padrões de sono e os animais, mas Kang Weimin, diretor da Escola de Aeronáutica do Instituto de Tecnologia de Harbin, disse ao CIFNews que o satélite só produziria brilho ao anoitecer. Ele acha que o brilho que não deve afetar os animais. (Em resumo, estão cagando para os animais.) 

A intensidade da luz emitida por esta lua artificial é outro dado desconhecido. Enquanto o People’s Daily citou WU Chufeng dizendo que a luz seria brilhante o suficiente para substituir as luzes da rua, a agência de notícias Xinhua citou-o dizendo que o brilho seria apenas um quinto do das luzes convencionais. Ao que parece, o  conceito do satélite iluminador inspirou-se no conceito de “um artista francês que imaginou pendurar um colar feito de espelhos acima da Terra que refletisse a luz do sol pelas ruas de Paris durante todo o ano” e segue o projeto russo Znamya, que foi realizado na década de 1990, mas depois abandonado.

https://youtu.be/qg_b0v9-Smo

fonte

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.