Sobre Philipe Kling David

Designer, blogueiro, escritor e escultor. Seu passatempo preferido é procurar coisas interessantes e curiosas para colocar neste espaço aqui. Tem uma grande atração por assuntos que envolvam mistérios, desconhecido e tecnologia. Gosta de conversar sobre qualquer coisa e sempre tem um caso bizarro e engraçado para contar.
Saiba mais...

26 Comentários


  1. Lembra um pouco o condado dos Hobbits. Será que conseguem quebrar essas paredes com um “voador” , ou um único golpe de marreta?

    Responder

  2. Johnny, a parede é grossona e a parada é densa. Mas se o cara em questão for o Chuck Norris, não duvido.

    Responder

  3. Philipe, duas coisas:
    1) O lance da aguarrás: A massa corrida, de parede, pega bem no isopor. Se os caras QUISEREM

    Responder

  4. Philipe, duas coisas:

    1) O lance da aguarrás: A massa corrida, de parede, pega bem no isopor. Se os caras QUISEREM que a coisa dura, é só revestir.

    2) Poluição: há uns 3 anos, em um discovery ou similar, eu vi uma reportagem sobre RECICLAGEM de isopor e dos componentes, atraves da casca de mexirica (tipo de laranja com gominhos, caso tenha outro nome no rio).

    A única coisa que me preocupou é como prender algo pesado nas paredes!!! rsss

    Beijo,

    Responder

  5. Verena, o isopor de alta densidade é igualzinho madeira. É só usar uma furadeira que prende bem legal. Talvez tenha que usar parafusos maiores. Mas que prende, prende.
    Aqui é mexirica mesmo.

    Responder
  6. Anônimo

    Olá, fiquei curiosa para saber como é a parte estrutural dessas casas?
    Ouvi falar que a parede é a propria estrutura e não precisa de pilar nem viga, será que é verdade?

    Responder
    1. sergio

      sim minha cara amiga é a pura verdade, não tem vigas e nem colunas e pode acreditar é um grande passo na historia da construção civil mundial, esses japoneses sempre tem uma grande ideia que vira mania no mundial…

      Responder
  7. sergio

    isto é a smorffelâdia, é igual a casa dos irmãos smorffes aquele desenho animado que passava na tv…

    Responder
  8. deborah

    odiei pq uma pessoa naum pode fazer esta casona enves de fazer uma simples

    Responder
  9. deborah

    odiei pq uma pessoa naum pode fazer esta casona enves de fazer uma simples D: D: :( 0_0 :shocked: :worry: :wow: :B :*( :argh:

    Responder

  10. Trabalho em uma empresa q recicla EPS (isopor)em Campinas-SP.
    O site acima é de uma empresa q compra o isopor q reciclamos e transforma em molduras.
    Além de ecologicamente correta, essa empresa evita q resíduos de EPS, sejam jogados no meio ambiente.
    O ponto é o seguinte, esse recorte que são sobras que geram na construção dessas casas, já tem um destino certo?
    São reutilizados?
    Caso seja problema para a empresa das casinhas, diga-se d passagem, muito bom gosto, estou a disposição para receber essa sucata e dar uma destinação correta aqui na reciclagem.
    Aguardo contato.
    Grata!
    Angela

    Responder
  11. lais

    :happy: :/ 😀 :injured: 😆 :lol2: 0_0 :shocked: :sly: :wow: :worry: ;] :] :argh: 😐 :$ :B 😎 :*( :curious: x_x :gasp: =D ba-la swhoo queria fazer uma casa e não cosigo

    mas cheguei na solução:como fazer casa de isopor:

    1-primeiro desenhe com todas as medidas
    2-corte o isopor com uma faca quente corte da medida certa que foi desenhado
    3-pinte-o como seu gosto
    4-monte da sua preferencia
    5- E cole (pode ser com cola quente ou duplaface)
    e mostre para todos seus amigos

    valeeuuuuuu___-___-___-akrsarsatskrrsakrskarsraksrakrskar :love: :X :meh: :ohhyeahh: D: :omg: :raisebrow: 😛

    Responder
  12. Leonardo

    é muito interessante esse novo método de construção.
    E pode ser empregado na indústria naval, em navios ou plataformas petrolíferas, pois o material bóia, naturalmente.

    Mas mais interessante, é ver como as pessoas reagem a uma nova idéia. Tem alguns comentários bem legais. Piadas, então…

    Só tem uma coisa: o cartel da construção civil nunca vai trocar toneladas de aço, terra e cimento, por isso. Certamente a troca teria que ser gradual, pois como está, causaria um impacto absurdo na economia como está estruturada. Passado o susto inicial, acho que os benefícios para a maioria das pessoas seria grande.

    Responder

    1. “o cartel da construção civil nunca vai trocar toneladas de aço, terra e cimento, por isso”

      A menos que eles faturem ainda mais alto com a técnica, né?

      Responder
  13. marcella-MG

    Interessante observar a reação das pessoas diante do novo. Entrei na net e pesquisei muito a respeito do assunto, lendo inclusive trabalhos publicados por profissionais da área da construção civil, que são professores universitários de instituições respeitáveis e que dão o aval sobre o novo método construtivo. O mais interessante é que apesar de barato é consumido apenas pela classe A e B, uma vez que são as camadas mais bem informadas da população. Assim como o MBS (Monolitic Building Sistem) nome da técnica das “casas de isopor”, temos outros recursos incríveis, como as construções à base de tijolos de solo-cimento, de blocos de concreto celular autoclavado, todos pautados na tecnologia, sustentabilidade, segurança,rapidez, baixa geração de entulho, ótimo custo-benefício e recursos os mais diversos. Seria a mesma coisa que ríssemos dos chineses e japoneses por utiizarem o bambu na construção. Só para exemplificar, o teto do Taj-Mahal é todo feito de bambu. E o mausoléu está lá, lindo, imponente e incólume ao passar do tempo.

    Responder

    1. Leva muito tempo até mudar a percepção das pessoas. Quanto mais arcabouço cultural, mais fácil é. O problema da miséria no Brasil é que ela não se restringe a questão econômica e passa pelo cultural. Aí é muito, muito difícil de mudar mesmo.

      Responder
  14. djuli

    nada legal isso nÃo e com isopor ne bando de mitirosos D: :argh: ::love: :love: :love: :) :) :) :) shocked: x_x :gasp: =D :happy: 😀 O_o :ohhyeahh: :omg: 0_0 :shocked: :gasp:

    Responder
  15. Andre L Ff

    finalmente achei oq eu tava procurando, pra nos pobres mortais, sem mta renda, e´um recurso mto plausivel de se adquirir, estao de PARABENS!oos inventor/es…dessa casa, eu fazia projetos na minha cabeça, e saia ate´umas coisa /ideias bacanas, mas assim, tao bem feita eu nao imaginava q ja existisse, agora vou pesquisar no site os valores q fiqei mega curioso….sera´q eu consigo pagar legal?rrssrsrs PARABENS  mais 1 x!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Responder
  16. Abner

    Oi, adorei o projeto, gostaria de saber se existe algum lugar que possa comprar este isopor, na verdade gostaria de uma parede inteira de isopor. Se possível me mande alguma coisa através do email – abner@gattivega.com.br, obrigado

    Responder
    1. Philipe3d

      Eu acho que se for uma parede é mais facil, porque você pode comprar placas de isopor em diferentes densidades e espessuras. O ideal é procurar nas fabricas de isopor.

      Responder
  17. Almir001

    Tenho uma curiosidade.
    Temos tecnologia para construir edifícios de até 30 andares com o uso de isopor?
    Almir
    almir001 @gmail:disqus .com
    Fone: 61 85456388
    Skype: almir.freitas-001

    Responder
  18. Magno S. Zaneate

    Gostei muito, é um projeto maravilhoso, mas gostaria que alguém já usou massa corrida no isopor e deu certo

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>